Boas- Vindas!!!

Deus abençôe cada um de nós.

Follow by Email

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Efésios 6

1  VÓS, filhos, sede obedientes a vossos pais no Senhor, porque isto é justo.
2  Honra a teu pai e a tua mãe, que é o primeiro mandamento com promessa;
3  Para que te vá bem, e vivas muito tempo sobre a terra.
4  E vós, pais, não provoqueis à ira a vossos filhos, mas criai-os na doutrina e admoestação do Senhor.
5  Vós, servos, obedecei a vossos senhores segundo a carne, com temor e tremor, na sinceridade de vosso coração, como a Cristo;
6  Não servindo à vista, como para agradar aos homens, mas como servos de Cristo, fazendo de coração a vontade de Deus;
7  Servindo de boa vontade como ao Senhor, e não como aos homens.
8  Sabendo que cada um receberá do Senhor todo o bem que fizer, seja servo, seja livre.
9  E vós, senhores, fazei o mesmo para com eles, deixando as ameaças, sabendo também que o SENHOR deles e vosso está no céu, e que para com ele não há acepção de pessoas.
10  No demais, irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder.
11  Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo.
12  Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais.
13  Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, ficar firmes.
14  Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestida a couraça da justiça;
15  E calçados os pés na preparação do evangelho da paz;
16  Tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno.
17  Tomai também o capacete da salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus;
18  Orando em todo o tempo com toda a oração e súplica no Espírito, e vigiando nisto com toda a perseverança e súplica por todos os santos,
19  E por mim; para que me seja dada, no abrir da minha boca, a palavra com confiança, para fazer notório o mistério do evangelho,
20  Pelo qual sou embaixador em cadeias; para que possa falar dele livremente, como me convém falar.
21  Ora, para que vós também possais saber dos meus negócios, e o que eu faço, Tíquico, irmão amado, e fiel ministro do Senhor, vos informará de tudo.
22  O qual vos enviei para o mesmo fim, para que saibais do nosso estado, e ele console os vossos corações.
23  Paz seja com os irmãos, e amor com fé da parte de Deus Pai e da do Senhor Jesus Cristo.
24  A graça seja com todos os que amam a nosso Senhor Jesus Cristo em sinceridade. Amém.

quinta-feira, 28 de abril de 2011

Gálatas 1


1  PAULO, apóstolo (não da parte dos homens, nem por homem algum, mas por Jesus Cristo, e por Deus Pai, que o ressuscitou dentre os mortos),
2  E todos os irmãos que estão comigo, às igrejas da Galácia:
3  Graça e paz da parte de Deus Pai e do nosso Senhor Jesus Cristo,
4  O qual se deu a si mesmo por nossos pecados, para nos livrar do presente século mau, segundo a vontade de Deus nosso Pai,
5  Ao qual seja dada glória para todo o sempre. Amém.
6  Maravilho-me de que tão depressa passásseis daquele que vos chamou à graça de Cristo para outro evangelho;
7  O qual não é outro, mas há alguns que vos inquietam e querem transtornar o evangelho de Cristo.
8  Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema.
9  Assim, como já vo-lo dissemos, agora de novo também vo-lo digo. Se alguém vos anunciar outro evangelho além do que já recebestes, seja anátema.
10  Porque, persuado eu agora a homens ou a Deus? ou procuro agradar a homens? Se estivesse ainda agradando aos homens, não seria servo de Cristo.
11  Mas faço-vos saber, irmãos, que o evangelho que por mim foi anunciado não é segundo os homens.
12  Porque não o recebi, nem aprendi de homem algum, mas pela revelação de Jesus Cristo.
13  Porque já ouvistes qual foi antigamente a minha conduta no judaísmo, como sobremaneira perseguia a igreja de Deus e a assolava.
14  E na minha nação excedia em judaísmo a muitos da minha idade, sendo extremamente zeloso das tradições de meus pais.
15  Mas, quando aprouve a Deus, que desde o ventre de minha mãe me separou, e me chamou pela sua graça,
16  Revelar seu Filho em mim, para que o pregasse entre os gentios, não consultei a carne nem o sangue,
17  Nem tornei a Jerusalém, a ter com os que já antes de mim eram apóstolos, mas parti para a Arábia, e voltei outra vez a Damasco.
18  Depois, passados três anos, fui a Jerusalém para ver a Pedro, e fiquei com ele quinze dias.
19  E não vi a nenhum outro dos apóstolos, senão a Tiago, irmão do Senhor.
20  Ora, acerca do que vos escrevo, eis que diante de Deus testifico que não minto.
21  Depois fui para as partes da Síria e da Cilícia.
22  E não era conhecido de vista das igrejas da Judéia, que estavam em Cristo;
23  Mas somente tinham ouvido dizer: Aquele que já nos perseguiu anuncia agora a fé que antes destruía.
24  E glorificavam a Deus a respeito de mim.

segunda-feira, 28 de março de 2011

Mateus 24

20  E orai para que a vossa fuga não aconteça no inverno nem no sábado;
21  Porque haverá então grande aflição, como nunca houve desde o princípio do mundo até agora, nem tampouco há de haver.
22  E, se aqueles dias não fossem abreviados, nenhuma carne se salvaria; mas por causa dos escolhidos serão abreviados aqueles dias.
23  Então, se alguém vos disser: Eis que o Cristo está aqui, ou ali, não lhe deis crédito;
24  Porque surgirão falsos cristos e falsos profetas, e farão tão grandes sinais e prodígios que, se possível fora, enganariam até os escolhidos.
25  Eis que eu vo-lo tenho predito.
26  Portanto, se vos disserem: Eis que ele está no deserto, não saiais. Eis que ele está no interior da casa; não acrediteis.
27  Porque, assim como o relâmpago sai do oriente e se mostra até ao ocidente, assim será também a vinda do Filho do homem.
28  Pois onde estiver o cadáver, aí se ajuntarão as águias.
29  E, logo depois da aflição daqueles dias, o sol escurecerá, e a lua não dará a sua luz, e as estrelas cairão do céu, e as potências dos céus serão abaladas.
30  Então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem; e todas as tribos da terra se lamentarão, e verão o Filho do homem, vindo sobre as nuvens do céu, com poder e grande glória.
31  E ele enviará os seus anjos com rijo clamor de trombeta, os quais ajuntarão os seus escolhidos desde os quatro ventos, de uma à outra extremidade dos céus.
32  Aprendei, pois, esta parábola da figueira: Quando já os seus ramos se tornam tenros e brotam folhas, sabeis que está próximo o verão.
33  Igualmente, quando virdes todas estas coisas, sabei que ele está próximo, às portas.
34  Em verdade vos digo que não passará esta geração sem que todas estas coisas aconteçam.
35  O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não hão de passar.
36  Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céu, mas unicamente meu Pai.
37  E, como foi nos dias de Noé, assim será também a vinda do Filho do homem.
38  Porquanto, assim como, nos dias anteriores ao dilúvio, comiam, bebiam, casavam e davam-se em casamento, até ao dia em que Noé entrou na arca,
39  E não o perceberam, até que veio o dilúvio, e os levou a todos, assim será também a vinda do Filho do homem.
40  Então, estando dois no campo, será levado um, e deixado o outro;
41  Estando duas moendo no moinho, será levada uma, e deixada outra.42  Vigiai, pois, porque não sabeis a que hora há de vir o vosso Senhor.
43  Mas considerai isto: se o pai de família soubesse a que vigília da noite havia de vir o ladrão, vigiaria e não deixaria minar a sua casa.
44  Por isso, estai vós apercebidos também; porque o Filho do homem há de vir à hora em que não penseis.
45  Quem é, pois, o servo fiel e prudente, que o seu senhor constituiu sobre a sua casa, para dar o sustento a seu tempo?
46  Bem-aventurado aquele servo que o seu senhor, quando vier, achar servindo assim.
47  Em verdade vos digo que o porá sobre todos os seus bens.
48  Mas se aquele mau servo disser no seu coração: O meu senhor tarde virá;
49  E começar a espancar os seus conservos, e a comer e a beber com os ébrios,
50  Virá o senhor daquele servo num dia em que o não espera, e à hora em que ele não sabe,
51  E separá-lo-á, e destinará a sua parte com os hipócritas; ali haverá pranto e ranger de dentes.

segunda-feira, 21 de março de 2011

Tiago 2


1  MEUS irmãos, não tenhais a fé de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhor da glória, em acepção de pessoas.
2  Porque, se no vosso ajuntamento entrar algum homem com anel de ouro no dedo, com trajes preciosos, e entrar também algum pobre com sórdido traje,
3  E atentardes para o que traz o traje precioso, e lhe disserdes: Assenta-te tu aqui num lugar de honra, e disserdes ao pobre: Tu, fica aí em pé, ou assenta-te abaixo do meu estrado,
4  Porventura não fizestes distinção entre vós mesmos, e não vos fizestes juízes de maus pensamentos?
5  Ouvi, meus amados irmãos: Porventura não escolheu Deus aos pobres deste mundo para serem ricos na fé, e herdeiros do reino que prometeu aos que o amam?
6  Mas vós desonrastes o pobre. Porventura não vos oprimem os ricos, e não vos arrastam aos tribunais?
7  Porventura não blasfemam eles o bom nome que sobre vós foi invocado?
8  Todavia, se cumprirdes, conforme a Escritura, a lei real: Amarás a teu próximo como a ti mesmo, bem fazeis.
9  Mas, se fazeis acepção de pessoas, cometeis pecado, e sois redargüidos pela lei como transgressores.
10  Porque qualquer que guardar toda a lei, e tropeçar em um só ponto, tornou-se culpado de todos.
11  Porque aquele que disse: Não cometerás adultério, também disse: Não matarás. Se tu pois não cometeres adultério, mas matares, estás feito transgressor da lei.
12  Assim falai, e assim procedei, como devendo ser julgados pela lei da liberdade.
13  Porque o juízo será sem misericórdia sobre aquele que não fez misericórdia; e a misericórdia triunfa do juízo.
14  Meus irmãos, que aproveita se alguém disser que tem fé, e não tiver as obras? Porventura a fé pode salvá-lo?
15  E, se o irmão ou a irmã estiverem nus, e tiverem falta de mantimento quotidiano,
16  E algum de vós lhes disser: Ide em paz, aquentai-vos, e fartai-vos; e não lhes derdes as coisas necessárias para o corpo, que proveito virá daí?
17  Assim também a fé, se não tiver as obras, é morta em si mesma.
18  Mas dirá alguém: Tu tens a fé, e eu tenho as obras; mostra-me a tua fé sem as tuas obras, e eu te mostrarei a minha fé pelas minhas obras.
19  Tu crês que há um só Deus; fazes bem. Também os demônios o crêem, e estremecem.
20  Mas, ó homem vão, queres tu saber que a fé sem as obras é morta?
21  Porventura o nosso pai Abraão não foi justificado pelas obras, quando ofereceu sobre o altar o seu filho Isaque?
22  Bem vês que a fé cooperou com as suas obras, e que pelas obras a fé foi aperfeiçoada.
23  E cumpriu-se a Escritura, que diz: E creu Abraão em Deus, e foi-lhe isso imputado como justiça, e foi chamado o amigo de Deus.
24  Vedes então que o homem é justificado pelas obras, e não somente pela fé.
25  E de igual modo Raabe, a meretriz, não foi também justificada pelas obras, quando recolheu os emissários, e os despediu por outro caminho?
26  Porque, assim como o corpo sem o espírito está morto, assim também a fé sem obras é morta.

segunda-feira, 7 de março de 2011

Tiago 1

1  TIAGO, servo de Deus, e do Senhor Jesus Cristo, às doze tribos que andam dispersas, saúde.
2  Meus irmãos, tende grande gozo quando cairdes em várias tentações;
3  Sabendo que a prova da vossa fé opera a paciência.
4  Tenha, porém, a paciência a sua obra perfeita, para que sejais perfeitos e completos, sem faltar em coisa alguma.
5  E, se algum de vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente, e o não lança em rosto, e ser-lhe-á dada.
6  Peça-a, porém, com fé, em nada duvidando; porque o que duvida é semelhante à onda do mar, que é levada pelo vento, e lançada de uma para outra parte.
7  Não pense tal homem que receberá do Senhor alguma coisa.
8  O homem de coração dobre é inconstante em todos os seus caminhos.
9  Mas glorie-se o irmão abatido na sua exaltação,
10  E o rico em seu abatimento; porque ele passará como a flor da erva.
11  Porque sai o sol com ardor, e a erva seca, e a sua flor cai, e a formosa aparência do seu aspecto perece; assim se murchará também o rico em seus caminhos.
12  Bem-aventurado o homem que suporta a tentação; porque, quando for provado, receberá a coroa da vida, a qual o Senhor tem prometido aos que o amam.
13  Ninguém, sendo tentado, diga: De Deus sou tentado; porque Deus não pode ser tentado pelo mal, e a ninguém tenta.
14  Mas cada um é tentado, quando atraído e engodado pela sua própria concupiscência.
15  Depois, havendo a concupiscência concebido, dá à luz o pecado; e o pecado, sendo consumado, gera a morte.
16  Não erreis, meus amados irmãos.
17  Toda a boa dádiva e todo o dom perfeito vem do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não há mudança nem sombra de variação.
18  Segundo a sua vontade, ele nos gerou pela palavra da verdade, para que fôssemos como primícias das suas criaturas.
19  Portanto, meus amados irmãos, todo o homem seja pronto para ouvir, tardio para falar, tardio para se irar.
20  Porque a ira do homem não opera a justiça de Deus.
21  Por isso, rejeitando toda a imundícia e superfluidade de malícia, recebei com mansidão a palavra em vós enxertada, a qual pode salvar as vossas almas.
22  E sede cumpridores da palavra, e não somente ouvintes, enganando-vos com falsos discursos.
23  Porque, se alguém é ouvinte da palavra, e não cumpridor, é semelhante ao homem que contempla ao espelho o seu rosto natural;
24  Porque se contempla a si mesmo, e vai-se, e logo se esquece de como era.
25  Aquele, porém, que atenta bem para a lei perfeita da liberdade, e nisso persevera, não sendo ouvinte esquecidiço, mas fazedor da obra, este tal será bem-aventurado no seu feito.
26  Se alguém entre vós cuida ser religioso, e não refreia a sua língua, antes engana o seu coração, a religião desse é vã.
27  A religião pura e imaculada para com Deus, o Pai, é esta: Visitar os órfãos e as viúvas nas suas tribulações, e guardar-se da corrupção do mundo.

sexta-feira, 4 de março de 2011

Gálatas 5

1  ESTAI, pois, firmes na liberdade com que Cristo nos libertou, e não torneis a colocar-vos debaixo do jugo da servidão.
2  Eis que eu, Paulo, vos digo que, se vos deixardes circuncidar, Cristo de nada vos aproveitará.
3  E de novo protesto a todo o homem, que se deixa circuncidar, que está obrigado a guardar toda a lei.
4  Separados estais de Cristo, vós os que vos justificais pela lei; da graça tendes caído.
5  Porque nós pelo Espírito da fé aguardamos a esperança da justiça.
6  Porque em Jesus Cristo nem a circuncisão nem a incircuncisão tem valor algum; mas sim a fé que opera pelo amor.
7  Corríeis bem; quem vos impediu, para que não obedeçais à verdade?
8  Esta persuasão não vem daquele que vos chamou.
9  Um pouco de fermento leveda toda a massa.
10  Confio de vós, no Senhor, que nenhuma outra coisa sentireis; mas aquele que vos inquieta, seja ele quem for, sofrerá a condenação.
11  Eu, porém, irmãos, se prego ainda a circuncisão, por que sou, pois, perseguido? Logo o escândalo da cruz está aniquilado.
12  Eu quereria que fossem cortados aqueles que vos andam inquietando.
13  Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor.
14  Porque toda a lei se cumpre numa só palavra, nesta: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo.
15  Se vós, porém, vos mordeis e devorais uns aos outros, vede não vos consumais também uns aos outros.
16  Digo, porém: Andai em Espírito, e não cumprireis a concupiscência da carne.
17  Porque a carne cobiça contra o Espírito, e o Espírito contra a carne; e estes opõem-se um ao outro, para que não façais o que quereis.
18  Mas, se sois guiados pelo Espírito, não estais debaixo da lei.
19  Porque as obras da carne são manifestas, as quais são: adultério, prostituição, impureza, lascívia,
20  Idolatria, feitiçaria, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias,
21  Invejas, homicídios, bebedices, glutonarias, e coisas semelhantes a estas, acerca das quais vos declaro, como já antes vos disse, que os que cometem tais coisas não herdarão o reino de Deus.
22  Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança.
23  Contra estas coisas não há lei.
24  E os que são de Cristo crucificaram a carne com as suas paixões e concupiscências.
25  Se vivemos em Espírito, andemos também em Espírito.
26  Não sejamos cobiçosos de vanglórias, irritando-nos uns aos outros, invejando-nos uns aos outros.

quinta-feira, 3 de março de 2011

Se o Amanhã não vier.

Se eu soubesse que essa seria a última vez que eu veria você dormir
Eu aconchegaria você mais apertado,
E rogaria ao Senhor que protegesse você.
Se eu soubesse que essa seria a última vez que veria você sair pela porta,
Eu abraçaria, beijaria você, e chamaria de volta,
Para abraçar e beijar uma vez mais.
Se eu soubesse que essa seria a última vez que ouviria sua voz em oração,
Eu filmaria cada gesto, cada palavra sua,
Para que eu pudesse ver e ouvir de novo, dia após dia.
Se eu soubesse que essa seria a última vez,
Eu gastaria um minuto extra ou dois, para parar e dizer: EU TE AMO.
Ao invés de assumir que você já sabe disso.
Se eu soubesse que essa seria a última vez,
Eu estaria ao seu lado, partilhando do seu dia, ao invés de pensar: "Bem...tenho certeza que outras oportunidades virão, então eu posso deixar passar esse dia".
É claro que haverá um amanhã para se fazer uma revisão,
E nós teríamos uma segunda chance para fazer as coisas de maneira correta.
É claro que haverá outro dia para dizermos um para o outro: EU TE AMO, E certamente haverá uma nova chance de dizermos um para o outro: "Posso te ajudar em alguma coisa?"
Mas no caso de eu estar errado, e hoje ser o último dia que temos, eu gostaria de dizer
O QUANTO EU AMO VOCÊ,
E espero que nunca esqueçamos disso.
O dia de amanhã não está prometido para ninguém, jovem ou velho,
E hoje pode ser sua última chance de segurar bem apertado a mão da pessoa que você ama.
Se você está esperando pelo amanhã, por que não fazer hoje?
Porque se o amanhã não vier, você com certeza se arrependerá pelo resto de sua vida,
De naão ter gasto aquele tempo extra num sorriso, num abraço, num beijo,
Porque você estava "muito ocupado" para dar àquela pessoa,
Aquilo que acabou sendo o último desejo que ela queria.
Então, abrace seu amado, a sua amada hoje,
Bem apertado
Sussurre nso seus ouvidos, dizendo o quanto o ama o quanto o quer junto de você.
Gaste um tempo para dizer:
"Me desculpe", "Por favor", "Me perdoe", "Obrigado",
Ou ainda: "Não foi nada", "Está tudo bem".
Porque se o amanhã jamais chegar, você não terá que se arrepender pelo dia de hoje.


Texto feito pelo marido de uma moça que morreu na tragédia do word trade center.